Óleo Essencial Lavanda-Fina da Bulgária Laszlo – 10mL

R$ 75,00

Óleo Essencial Lavanda-Fina GT Bulgária

Nome botânico: Lavandula angustifolia

Origem: Bulgária

Parte utilizada: Flores

Método de extração: Destilação a vapor

Agricultura: Convencional

Volume: 10ml

 

 

DESCRIÇÃO:

 

São denominadas lavandas “finas” aquelas lavandas que carregam uma nota etérea e mais delicada em seu óleo essencial. Esse tipo de óleo tem a tendência a conter mais ésteres, mas nem sempre isso ocorre, sendo os componentes minoritários mais decisivos para o seu aroma delicado do que propriamente os majoritários. O cultivo em regiões mais elevadas ou o clima local (vento, umidade etc), tende a influenciar seu padrão de qualidade. As lavandas “finas” são consideradas mais calmantes e poderosamente ansiolíticas.

 

Na Bulgária a Laszlo descobriu uma fazenda com um trabalho social muito interessante no Afeganistão, com a implantação de uma fazenda de rosas em uma região devastada pela guerra do 11 de setembro. Nessa região inúmeras famílias hoje são beneficiadas pelo cultivo e destilação de óleo de rosa-de-damasco ao invés do opium. Desta empresa é que vem o óleo essencial de lavanda-fina búlgara.

 

Essa lavanda se destaca por notas florais e frutadas de topo que se ancoram em um fundo balsâmico amadeirado que prolonga sua fixação natural.

 

 

PROPRIEDADES

 

Há poucas diferenças nas indicações do uso de óleo essencial de lavanda verdadeira (Lavandula angustifolia), sendo que alguns, devido ao volume dos componentes, possuem potencial terapêutico mais ativo. O acetato de linalila é o éster majoritário, derivado do linalol com o qual funciona sinergicamente para o efeito ansiolítico do óleo de lavanda inalado.

 

A atuação psicoativa é possível de ser registrada por um eletroencefalograma, que exibe as respostas das ondas cerebrais aos aromas, expressas na amplitude e frequência das ondas. Estudos de Chandharakool et al (2020) atestam que a inalação do óleo essencial de lavanda por três minutos é suficiente para aumentar, significativamente, a atividade das ondas teta (4-8 Hz) e alfa (8–13 Hz), em todas as regiões do cérebro humano. As ondas teta, além de estarem relacionadas com o relaxamento, são responsáveis por gerar mais vigor e energia. Este estado está relacionado aos processos de criatividade, intuição potencializada e conexões emocionais mais intensas. Ela também possibilita a cura do corpo na produção de neurotransmissores que fortalecem o sistema imunológico e minimizam o nível de cortisol (o hormônio do estresse), equilibrando os níveis de serotonina e melatonina, o que por sua vez, auxilia na cura de processos de depressão, insônia e até inchaços. Já as ondas alfa estão relacionadas a um estado de relaxamento que viabiliza a concentração, a memória, a aprendizagem e o processamento e armazenamento de informações. Este estado provoca a sensação de tranquilidade, alívio da dor e sensação de bem-estar. Essa pesquisa destaca que pessoas com personalidades propensas aos vícios, como álcool e drogas, possuem pouca atividade das ondas teta e alfa, e quando estas são estimuladas as crises de abstinência podem ser reduzidas.

 

O óleo essencial de lavanda-fina age, portanto, ampliando o estado de relaxamento no corpo sob diversos mecanismos, além de inibir os comportamentos de ansiedade. Ele é indicado para todos os sintomas e manifestações do estresse como: tensão física e mental, distúrbios do sono, falta de energia, falta de apetite, impaciência, irritabilidade, inquietação, neurastenia, extremo pânico e histeria.

 

Esta sinergia natural de linalol e linalila, também promove ações anti-inflamatórias, analgésicas e antinociceptiva pela massagem. Outra vantagem terapêutica é que o acetato de linalila possui também ação antibacteriana. Sendo ativo contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli.

 

Foi comprovado também que o óleo essencial possui um excelente potencial citofilático (regenerador do tecido epitelial e promotor da síntese de colágeno), antiespasmódico (cólicas e espasmos), antidepressivo, antisséptico, carminativo, desodorante, vermífugo, repelente e anti-inflamatório. É usado também para dores reumáticas, artríticas e de cabeça, e como regularizador do estômago.

 

 

 PRINCIPAIS PROPRIEDADES:

 

– Cicatrizante

– Analgésico

– Hipotensor

– Citofilático

– Regenerador celular

– Antibacteriano

– Antifúngico

– Antisséptico

– Anti-inflamatório

– Fluidifica o sangue

– Indicado para dores musculares e inflamações de tendões e músculos

– Indicado para queimaduras, eczemas, feridas cutâneas, picadas de insetos, dores de cabeça, bolhas, espinhas, cólicas

 

EMOCIONAL:

 

– Sedativo

– Relaxante e calmante

– Combate estresse, ansiedade, tensão nervosa, insônia

– Antidepressivo

– Ansiolítico

– Acalma as emoções e os pensamentos

Fora de estoque

SKU: 65.6599 Categorias: ,

Óleo Essencial Lavanda-Fina GT Bulgária

Nome botânico: Lavandula angustifolia

Origem: Bulgária

Parte utilizada: Flores

Método de extração: Destilação a vapor

Agricultura: Convencional

Volume: 10ml

 

 

DESCRIÇÃO:

 

São denominadas lavandas “finas” aquelas lavandas que carregam uma nota etérea e mais delicada em seu óleo essencial. Esse tipo de óleo tem a tendência a conter mais ésteres, mas nem sempre isso ocorre, sendo os componentes minoritários mais decisivos para o seu aroma delicado do que propriamente os majoritários. O cultivo em regiões mais elevadas ou o clima local (vento, umidade etc), tende a influenciar seu padrão de qualidade. As lavandas “finas” são consideradas mais calmantes e poderosamente ansiolíticas.

 

Na Bulgária a Laszlo descobriu uma fazenda com um trabalho social muito interessante no Afeganistão, com a implantação de uma fazenda de rosas em uma região devastada pela guerra do 11 de setembro. Nessa região inúmeras famílias hoje são beneficiadas pelo cultivo e destilação de óleo de rosa-de-damasco ao invés do opium. Desta empresa é que vem o óleo essencial de lavanda-fina búlgara.

 

Essa lavanda se destaca por notas florais e frutadas de topo que se ancoram em um fundo balsâmico amadeirado que prolonga sua fixação natural.

 

 

PROPRIEDADES

 

Há poucas diferenças nas indicações do uso de óleo essencial de lavanda verdadeira (Lavandula angustifolia), sendo que alguns, devido ao volume dos componentes, possuem potencial terapêutico mais ativo. O acetato de linalila é o éster majoritário, derivado do linalol com o qual funciona sinergicamente para o efeito ansiolítico do óleo de lavanda inalado.

 

A atuação psicoativa é possível de ser registrada por um eletroencefalograma, que exibe as respostas das ondas cerebrais aos aromas, expressas na amplitude e frequência das ondas. Estudos de Chandharakool et al (2020) atestam que a inalação do óleo essencial de lavanda por três minutos é suficiente para aumentar, significativamente, a atividade das ondas teta (4-8 Hz) e alfa (8–13 Hz), em todas as regiões do cérebro humano. As ondas teta, além de estarem relacionadas com o relaxamento, são responsáveis por gerar mais vigor e energia. Este estado está relacionado aos processos de criatividade, intuição potencializada e conexões emocionais mais intensas. Ela também possibilita a cura do corpo na produção de neurotransmissores que fortalecem o sistema imunológico e minimizam o nível de cortisol (o hormônio do estresse), equilibrando os níveis de serotonina e melatonina, o que por sua vez, auxilia na cura de processos de depressão, insônia e até inchaços. Já as ondas alfa estão relacionadas a um estado de relaxamento que viabiliza a concentração, a memória, a aprendizagem e o processamento e armazenamento de informações. Este estado provoca a sensação de tranquilidade, alívio da dor e sensação de bem-estar. Essa pesquisa destaca que pessoas com personalidades propensas aos vícios, como álcool e drogas, possuem pouca atividade das ondas teta e alfa, e quando estas são estimuladas as crises de abstinência podem ser reduzidas.

 

O óleo essencial de lavanda-fina age, portanto, ampliando o estado de relaxamento no corpo sob diversos mecanismos, além de inibir os comportamentos de ansiedade. Ele é indicado para todos os sintomas e manifestações do estresse como: tensão física e mental, distúrbios do sono, falta de energia, falta de apetite, impaciência, irritabilidade, inquietação, neurastenia, extremo pânico e histeria.

 

Esta sinergia natural de linalol e linalila, também promove ações anti-inflamatórias, analgésicas e antinociceptiva pela massagem. Outra vantagem terapêutica é que o acetato de linalila possui também ação antibacteriana. Sendo ativo contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli.

 

Foi comprovado também que o óleo essencial possui um excelente potencial citofilático (regenerador do tecido epitelial e promotor da síntese de colágeno), antiespasmódico (cólicas e espasmos), antidepressivo, antisséptico, carminativo, desodorante, vermífugo, repelente e anti-inflamatório. É usado também para dores reumáticas, artríticas e de cabeça, e como regularizador do estômago.

 

 

 PRINCIPAIS PROPRIEDADES:

 

– Cicatrizante

– Analgésico

– Hipotensor

– Citofilático

– Regenerador celular

– Antibacteriano

– Antifúngico

– Antisséptico

– Anti-inflamatório

– Fluidifica o sangue

– Indicado para dores musculares e inflamações de tendões e músculos

– Indicado para queimaduras, eczemas, feridas cutâneas, picadas de insetos, dores de cabeça, bolhas, espinhas, cólicas

 

EMOCIONAL:

 

– Sedativo

– Relaxante e calmante

– Combate estresse, ansiedade, tensão nervosa, insônia

– Antidepressivo

– Ansiolítico

– Acalma as emoções e os pensamentos

Informação adicional
Peso 0,040 kg
Dimensões 2,5 × 2,5 × 6,5 cm